1

Das tuas próprias mãos te damos!



Hoje é um dia especial para mim. Não apenas porque é o meu aniversário, mas porque há muitos motivos para celebrar.
Sinto-me criança pequena de novo e a gratidão dança comigo!

Gratidão pelo dom da vida prolongado
Pelos pequenos prazeres
Pelas grandes conquistas
Pelos encontros únicos
Pelos abraços singulares
Pelos beijos inesquecíveis
Pelos olhares eternizados
Pelos cheiros particulares de pessoas, situações, momentos...
Pelo sol aquecendo meu coração
Pela chuva caindo como provisão
Pelo vento soprando nova estação
Pelo frio aconchegante
Pelo calor vibrante
Pelas gargalhadas indecentes
Pelas lágrimas incoerentes...

Gratidão pelas fases da vida
Pelos sonhos infantis
Pelas descobertas juvenis
Pelas perdas na juventude
Pelas mudanças de atitude
Pelo amadurecer
Pelo florescer
Pelo morrer
Pelo reviver...

Gratidão por te reconhecer em cada página, em cada linha, em cada letra, em cada grafia, em cada pontuação.
Quantos altares eu tenho contigo!
O tempo não pode apagar nenhum dos teus grandiosos feitos,
Minha frágil mente não ousa esquecer tua presença,
Minhas dores não ofuscam tua companhia,
Minhas perdas não invalidam em nada meus ganhos ao teu lado,
Nem o diabo se atreve a contestar tua vida na minha história, na história dos que amam ao Senhor!

Tu estás em cada cenário
Em cada quadro
Em cada fotografia
Em cada refeição à mesa
Em cada comemoração!

Por que eu te busquei como poderia?
Por que eu te amei como merecias?
Por que eu fui fiel como deveria?

Claro que NÃO!!!

Mas porque tu és fiel!
Apenas porque decidistes me amar, me aceitar, me perdoar e caminhar comigo inclusive quando saí do caminho... Nem ali tua mão me desamparou... Nem assim me deixastes só!

Tu és minha vida em plenitude
Tu és minha alegria extravagante
Tu és meu sonho mais ousado
Meu alvo mais desejado
Meu amigo primeiro e absoluto
Meu amor maior
Meu fôlego de vida!
Entre nós a aliança é de sangue, e eu não a mereço, ela é cristalina manifestação da tua graça!!!

Obrigada Pai
Muito obrigada porque eu não te vejo, mas sei quem tu és,
Não escuto tua voz, mas a conheço muito bem dentro de mim,
Não te toco, mas sou tocada pelas tuas mãos.

Estar contigo se tornou grandiosamente simples e maravilhosamente natural, por aquilo que fizeste no Calvário por mim e pelo mundo inteiro!

EU SOU TUA E TU ÉS MEU, ATÉ SEMPRE... ATÉ ETERNAMENTE!

1 comentários:

Áurea Medeiros

Amo tu do tamanho do mundo, Parabéns flor!

Postar um comentário