3

Não espere que seja fácil chegar "lá"!


Chegar a Recife foi como pousar de paraquedas num lugar desconhecido...
Embora Brasil... lugar distante, cultura diferente, hábitos alimentares novos pra mim, clima tropicalientíssimo, o que eu amei logo de cara; embora nunca mais tenha parado de suar...

Fomos morar num belo apartamento beira-mar, de frente para um cenário espetacular. Barquinhos aportados de frente pra janela do meu quarto, ao som das ondas e ao cheiro de maresia invandindo todo o ambiente, era mais do que eu poderia ter sonhado. Tudo isso numa noite de lua cheia, arrebata até o mais duro dos corações!

Fomos logo apresentados a uma família que seria dali por diante anelo pra nós e fariam diferença na nossa jornada. Fomos morar onde eles já moravam e ganhamos de presente do Pai uma amizade ímpar... Deus vai sempre na frente, preparando o caminho...

Mais sintonizados com a cidade, procuramos o local onde seria o escritório da empresa e, começamos todo o trabalho necessário. Incrível dizer isso, mas logo de cara, mesmo enquanto organizávamos a empresa, eu tinha uma nítida sensação que seria por pouco tempo... não conseguia explicar, nem dar razões pra esse sentimento, mas ele era tão claro quanto a saudade que eu sentia dos meus amados deixados pra trás.

Montamos um escritório simples mas bonito em Boa Viagem o que nos obrigava a passar todos os dias pela Avenida Boa Viagem e seguir uns bons quilômetros margeados pelo mar. Que cena!
Cada dia uma cor diferente... ora totalmente azul, ora verde, as vezes cinza... as vezes cheio, as vezes raso, com milhões de litros a menos que ninguém sabe onde foi parar... as vezes com céu de um azul extasiante sem nenhuma nuvem, quem sabe com bordas vermelhas, ou talvez com nuvens branquinhas formando desenhos fantasiosos denunciando o bom humor divino... a verdade é que ainda não sou capaz de passar indiferente por ali sem me envolver com a manifestação gloriosa do meu Deus.


"OS CÉUS PROCLAMAM A GLÓRIA DE DEUS E O FIRMAMENTO ANUNCIA AS OBRAS DE SUAS MÃOS!" (Salmo 19:1)

Foi um começo maravilhoso, cheio de descobertas e prazeres. Conhecemos gente nova, fizemos amigos pra sempre, fomos cercados de pessoas especiais. Embora com dor no coração, porque ninguém substitui ninguém, começávamos a arrumar as gavetas do coração e pacificar os sentimentos tão mexidos ainda.

Morávamos num belo apartamento, estávamos com gente querida em volta, passeávamos em lugares extasiantes... fazíamos planos e planos e planos...

Contudo, aquela sensação de "pouco tempo" permanecia vívida dentro do meu coração e eu dizia para o Rodney que Recife seria alguns anos, mas que estar naquela empresa, seria pouco tempo, é o que anunciava meu coração. Eu não vou entrar em pormenores, porque não são importantes aqui, mas logo começamos a ter notícias de que a empresa em São Paulo não ia bem, assim de uma hora pra outra. Era inacreditável, porque ela estava "muito bem das pernas" obrigada, quando saímos... até porque não faria sentido abrir uma filial com problemas na matriz. Mas a verdade não era outra, e pasme, passados seis meses recebemos uma ligação básica, nos informando que o salário do mês já não viria mais, muito menos o dinheiro de pagar as contas da empresa e uns poucos funcionários que tínhamos. Simples assim. Isso só pra você saber que o mundo não desaba devagar, ele se joga sobre a sua cabeça mesmo!

Eureka! Sensação correta! Eu só não tinha sido avisada que seria tão pouco tempo assim e que a "porca torceria o rabo" mesmoooo! Ficamos como quem leva um golpe certeiro na fuça e sai de órbita por uns dias. "E agora José?" ou melhor... "E agora meu Deus?"

A 3 mil quilômetros de casa, funcionários pra pagar, contas da empresa pra quitar, contas de casa, e um "se vire" tatuado no traseiro... É porque tragédia pouca nunca foi meu forte! rs
Resumindo, negociamos com funcionários, pagamos o que pudemos de dívidas, entregamos o escritório, e ficamos os dois, com uma dívida a princípio impagável em nossos nomes... isso quer dizer o quê? SPC e SERASA coladinhos na gente por uns anos. Só pra começar a animar a festa...

Meu marido quase morreu esmagado pela responsabilidade de "provedor do lar", sentindo-se culpado por tirar a família do seu ninho e fazê-la sofrer agora. Humilhado também, Deus endureceu o seu coração (O coração do homem traça o seu caminho, mas o Senhor lhe dirige os passos!" Provérbios 16:9) e ele recusou-se a voltar pra São Paulo, o que eu também sabia, não era, pelo menos naquela hora, o nosso lugar. E porque sabia? Como sabia?

Sabia porque eu tinha falado com Deus... nós tinhamos falado com Deus,
sabia porque antes de vir busquei sua direção pra nossa família,
sabia porque somos Dele e sendo assim, nada pode fugir dos planos dele pra nós,
sabia porque confiava que DEUS NÃO COMETE ENGANOS E SEUS PLANOS NÃO PODEM SER FRUSTADOS!

"BEM SEI QUE TUDO PODES, E NENHUM DOS TEUS PLANOS PODE SER FRUSTRADO." (Jó 42: 2)

Inaugura-se o tempo mais difícil da nossa vida juntos. Eu digo mais difícil porque não havia nenhum facho de luz no fim do túnel, porque não havia perspectiva, não sabíamos literalmente pra onde ir. Resta-me dizer que como estávamos organizando tanto a empresa quanto nossa vida familiar, não havia dinheiro guardado, havia um apartamento pago por mais seis meses, (Deus é um Deus de detalhes, estou certa que já escrevi isso algumas postagens atrás...) um carro na garagem, todo financiado e mais nada. Isso significava que no nosso primeiro Natal, passaríamos sem um frango pra assar e sem comer nem um panetone de padaria. Tivemos ceia sim, porque fomos convidados a participar de uma festa natalina numa igreja que não conhecíamos...

Talvez você faça uma observação óbvia: "Se as mudanças que Deus tinha eram essas, era melhor não ter saído do lugar não acha?"

E eu sou muito sincera em dizer por mim e pelo Rodney: se soubéssemos antecipadamente o que iríamos passar, muito provavelmente Recife não teria visto nunca a nossa cara... mas quando a tempestade passa, você então pode ver com clareza novamente...

"PORQUE OS MEUS PENSAMENTOS NÃO SÃO OS VOSSOS PENSAMENTOS, NEM OS VOSSOS CAMINHOS OS MEUS CAMINHOS, DIZ O SENHOR.

PORQUE ASSIM COMO OS CÉUS SÃO MAIS ALTOS DO QUE A TERRA, ASSIM SÃO OS MEUS CAMINHOS, MAIS ALTOS DO QUE OS VOSSOS CAMINHOS, E OS MEUS PENSAMENTOS MAIS ALTOS DO QUE OS VOSSOS PENSAMENTOS.

PORQUE, ASSIM COMO DESCEM A CHUVA E A NEVE DOS CÉUS, E PARA LÁ NÃO TORNAM, SEM QUE PRIMEIRO REGUEM A TERRA E A FECUNDEM E A FAÇAM BROTAR, PARA DAR SEMENTE AO SEMEADOR E PÃO AO QUE COME,

ASSIM SERÁ A PALAVRA QUE SAIR DA MINHA BOCA, NÃO VOLTARÁ PARA MIM VAZIA,
MAS FARÁ O QUE ME APRAZ, E PROSPERARÁ NAQUILO PARA QUE A DESIGNEI.
(Isaías 55: 8-11)

Quem foi que disse que Deus se move segundo os meus planos humanóides?
Quem foi que disse que Deus pensa com a minha mente amebótica?

Quem foi que disse que Deus está limitado as minhas razões tão lúcidas quanto a de um rinoceronte???

Deixa eu te dizer: Deus é aquele que semeia os sonhos no seu coração...
Deus é aquele que realiza seus sonhos, e também sonhos que você nem teve chance de sonhar (ou como eu, capacidade para tanto, rs) num piscar de olhos...

Deus é aquele que te leva onde você humanóidezinho, jamais iria sozinho...

Mas antes meu querido, Deus precisa moldar, treinar, ensinar, capacitar, lapidar o Sonhador (você), para que ele então se torne e seja o que seu Criador sonhou primeiro. Os caminhos Dele em nada são parecidos com os nossos, mas a palavra também diz: "... dos que em ti esperam, ninguém será envergonhado..." Salmo 25: 3
e mais...

"Eu é que sei que pensamentos tenho a vosso respeito diz o Senhor, pensamentos de paz e não de mal para vos dar o fim que desejais..." Jeremias 29:11
Ainda tenho muito pra te contar sobre os caminhos que Deus nos conduziu...

(você já se cansou de ler não é? mas essa nossa conversa ainda vai longe... próxima postagem!)

3 comentários:

Anônimo

QUE A CADA DIA VC POSSA QUERER ESSA INTIMIDADE COM O SENHO POI VC E DELE BJS

ASS.GLAUCIA

Rose

Eu também tenho uma linda história sobre a "Providência Divina", ou a "Provisão de Deus" como queira chamar... Um dia eu te conto... tenho certeza que vai se emocionar.
Um beijo em seu coração!!!

Anônimo

Flor que bom ler suas postagem... como eu ja disse e repito.. nao pare nunca! beijocas, Wania

Postar um comentário